top of page
  • Foto do escritorFarmácia Jr. Consultoria UFMG

Pragmatismo na Imposição de Chás Milagrosos e Dietas Malucas: Separando Fatos de Ficção



É muito comum, nos dias atuais, navegar pelas redes sociais e deparar-se com um bombardeio de informações sobre chás e dietas milagrosas que prometem resultados rápidos e transformadores na redução de medidas. No entanto, é interessante se questionar se essas práticas são realmente eficazes e seguras, ou estamos caindo em armadilhas de modismos sem embasamento científico. 


Em um mundo onde a busca pelo corpo perfeito se torna cada vez mais proeminente, é crucial abordar as desinformações que permeiam as redes sociais, especialmente no universo fitness. Sendo assim, o objetivo do post é desmascarar essas promessas irrealistas mostrando uma visão crítica da realidade . Além disso, mostraremos alimentos de uso cotidiano com propriedades funcionais realmente relevantes. Para dar início a essa jornada vamos responder ao seguinte questionamento: Porque devemos criar um pensamento crítico quanto a essas tendências? 


Analisando Criticamente as Tendências


A problematização de discursos que apresentam promessas infundadas sobre prescrições dietéticas deve começar abordando inicialmente o público-alvo. É notório, que falta uma educação midiática significativa para a maioria dos frequentadores do espaço virtual. Sendo assim, torna-se muito relevante discutir os perigos desse falso conhecimento divulgado principalmente pelos influenciadores digitais. Essa tendência está intimamente ligada a um interesse mercadológico irresponsável que beneficia não apenas a marca dos produtos divulgados, mas também o principal agente dessa disseminação, levando a possíveis riscos à saúde da audiência. Portanto, é necessário desenvolver um pensamento crítico para evitar essas armadilhas da internet e a má conduta de alguns indivíduos.


Os famosos chás milagrosos são conhecidos por suas propriedades "detox", e embora alguns chás possam realmente ter propriedades antioxidantes, a ideia de uma "limpeza interna" se faz em extremo exagero e revela uma das tentativas de marketing sobre o produto. Isso pode ser prejudicial, já que o público-alvo se prende apenas ao impacto que essa palavra traz, incapaz de criar uma visão ampla sobre o assunto. Evidências científicas indicam que o corpo já possui em sua fisiologia e funcionamento básico sistemas eficazes de desintoxicação, como o fígado e os rins, tornando os chás "detox" mais um mito do que uma prática comprovada.


É possível observar muitos movimentos, como o terrorismo nutricional praticado na internet, que, somado à propagação das dietas malucas, resulta em um olhar extremista e radical nas escolhas alimentares da população leiga. Isso é em grande parte responsável pelas restrições calóricas e demonizações de alimentos isolados. Essas abordagens não são sustentáveis a longo prazo e podem causar deficiências nutricionais, além de servirem como gatilho para os distúrbios alimentares. O foco deve estar na alimentação equilibrada e na moderação, em vez de aderir a dietas radicais que prometem resultados imediatos.


Resumo da obra

  • A maioria desses chás não possui estudos científicos robustos que comprovem sua eficácia na perda de peso.

  • Muitos desses chás funcionam como diuréticos, levando à perda temporária de água, não de gordura.

  • A perda de peso acelerada normalmente resulta em ganho de peso rápido, caracterizando o efeito Sanfona.

  • O mais importante é apostar em uma dieta equilibrada combinada a prática de atividade física regular.

  • Alguns chás podem apresentar risco à saúde, causando efeitos colaterais prejudiciais, especialmente quando consumidos em excesso. 

  • Seguindo esse mesmo olhar, as dietas extremamente baixas em carboidratos podem influenciar em problemas de saúde a longo prazo. 

Conhecendo a verdadeira mágica por trás dos alimentos


Se você chegou até aqui, já deve estar cansado de ler sobre os malefícios dessas tendências. Portanto, serei responsável agora por conduzir uma viagem através de alguns alimentos de origem vegetal, especialmente de uso cotidiano, que possuem propriedades realmente relevantes para a saúde, baseadas em estudos dos bioativos presentes em sua composição. Mostraremos alguns desses alimentos e seus efeitos nos organismos.


Cúrcuma, o Ouro Dourado da Saúde:

A cúrcuma, conhecida também como açafrão-da-terra, destaca-se por ter de forma abundante o bioativo curcumina. Amplamente empregada como tempero natural, essa especiaria tem despertado o interesse da pesquisa devido aos seus efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios. Estudos conduzidos em ratos indicaram relevância na redução de edema. É importante ter cautela no seu uso já que a absorção da curcumina é limitada, e sua eficácia pode variar. Consulte um profissional de saúde antes de recorrer a suplementos de cúrcuma.



Café, Mais que uma Bebida Matinal:

A cafeína, um bioativo não apenas presente no café, tem diversos efeitos importantes, como o estímulo do sistema nervoso central para aumentar o estado de alerta. Deve ser utilizada com cautela, pois pode causar inquietação e agitação, influenciando em efeitos colaterais como a insônia. Além disso, é responsável por relaxar o músculo liso, estimular a contração do músculo cardíaco e aprimorar o desempenho atlético. A cafeína também promove a secreção de ácido gástrico, aumenta a motilidade gastrointestinal e atua como um diurético suave.


Sene, o Laxante Natural:


Devido à sua natureza quinônica, o sene apresenta um potente efeito laxativo, sendo tradicionalmente empregado para tratar a constipação. Contudo, seu uso não é amplamente recomendado por conta da sua natureza agressiva, que pode provocar alterações morfológicas no reto e no cólon. Além disso, pode causar dependência e desequilíbrios eletrolíticos, sendo recomendado consultar um especialista antes de usar derivados  dessa planta. 


Conclusão:


No mundo mágico das redes sociais, é fácil se perder diante da sedução dos chás milagrosos, e dietas que prometem resultados instantâneos. O objetivo deste post não é desvalorizar a busca por um estilo de vida saudável, mas sim desmistificar as promessas vazias realizadas no ambiente digital. Em resumo, a imposição de chás milagrosos e dietas malucas pode ser prejudicial à saúde física e mental. Portanto, é crucial adotar uma abordagem realista, baseada em evidências científicas, para alcançar seus objetivos de saúde. Consultar um nutricionista ou profissional de saúde é um passo valioso na direção certa. A saúde é um compromisso de longo prazo, e a jornada deve ser individual e tão sustentável quanto os resultados almejados.


22 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page